Categorias
Saúde em Foco

Conheça o colágeno mais indicado para dores nas articulações

Dores relativas a movimentação do corpo, têm sido uma das queixas mais comuns entre os consultórios médicos. Não só de pessoas que praticam atividade física, mas pessoas comuns que sentem dores ao realizar suas atividades domésticas diárias. Dor nos joelhos, ombros, dedos e quadril, são os locais mais comuns dessas dores. Todos esses locais referem-se as articulações, que faz parte da estrutura que permite a movimentação do corpo, por isso, quando há queixas relativas à dor, as pessoas ficam limitadas para realizar as suas atividades diárias o que pode influenciar negativamente na qualidade de vida. Que o colágeno faz parte dessas estruturas, talvez não seja nenhuma novidade, mas que existe um tipo específico que atua na função articular e é o mais indicado para as dores nas articulações você sabia?

O que é articulação e onde encontrá-la?

A articulação é a estrutura responsável pela mobilidade entre os ossos, ou seja, que permite o movimento entre o ponto de contato de um osso com outro. Ela é formada por cartilagem, líquido sinovial – que serve como lubrificante do movimento articular – e uma cápsula que protege e envolve toda essa estrutura. Estes são mecanismos existentes para amenizar o atrito das extremidades dos ossos e que servem para o seu amortecimento, que pode ser por bolsas sinoviais, cartilagem ou tecido fibroso. Se não existissem esses mecanismos, haveria choque entre os ossos, podendo até levar a sua fratura. Podemos encontrar sistema articular na coluna que são os corpos vertebrais, também encontramos articulação nos joelhos, ombros, punho, dedos, cotovelo e quadril… 

Por isso que, dores nas articulações, podem abranger qualquer estrutura dessa.

Doenças articulares

A osteoartrite é uma doença articular crônica caracterizada pela degeneração e perda de cartilagem, inflamação e alteração do osso. As doenças crônicas articulares mais frequentes são a Artrose e Artrite:

  • Na Artrose há perda da cartilagem e degeneração dos ossos que fazem parte da articulação. Ela pode ser por consequência do envelhecimento, obesidade, esforços repetitivos e desgaste por atividades.
  • Já na Artrite há processo inflamatório que pode afetar várias articulações. Não se sabe a causa e as articulações inflamadas causam dor, destruição da cartilagem e pode afetar a mobilidade até mesmo nas tarefas diárias.

Colágeno tipo 2: o melhor colágeno para as articulações

O colágeno é uma proteína fibrosa presente na pele, tendões, ossos, cartilagem e corresponde a cerca de 30% da proteína total do corpo. Mas é o Colágeno Tipo 2 o tipo mais específico e mais indicado para as dores nas articulações. Também conhecido como colágeno UC-II (ou UC2), o Colágeno Tipo 2 é o principal colágeno fibroso da cartilagem, representando 80-90% do colágeno neste tecido. Ele parece possuir poder anti-inflamatório, antioxidante e regenerativo, por isso, pode agir em prol da manutenção e saúde do sistema articular e cartilaginoso. Ele é a principal proteína estrutural na cartilagem que é responsável pela sua resistência, tração e firmeza. Quando absorvido, ele exerce uma ação anti-inflamatória e ajuda a reduzir a degradação do colágeno presente na articulação. Isso é refletido em benefício da flexibilidade, mobilidade, recuperação das estruturas cartilaginosas e principalmente no desconforto e dores articulares. Por isso, ele tem auxiliado no tratamento da inflamação e degeneração articular, porque tem uma ação específica na articulação. Num quadro de degradação articular, como no caso da osteoartrite e artrite reumatoide é comum a presença de células inflamatórias, que atacam a cartilagem das articulações, promovendo assim, o seu desgaste. E isso gera dor, rigidez, inflamação no local e a mobilidade diminui. Nesse sentido o Colágeno tipo 2 é o mais indicado para as dores nas articulações, porque pode auxiliar no tratamento da inflamação e degeneração articular, por ter uma ação específica nas articulações, o que consequentemente pode melhorar o quadro de dor.

Qual a melhor fonte de Colágeno Tipo 2?

A melhor forma de suplementar o Colágeno Tipo 2 é o não desnaturado extraído da cartilagem do esterno do frango. Sendo uma proteína não desnaturada, ele está em sua forma íntegra, pois, a proteína não passou por desnaturação ou hidrólise, ou seja, não tem alteração molecular e com isso, ele mantém a sua atividade biológica. Quando absorvido, o Colágeno Tipo 2 do esterno do frango exerce essa ação anti-inflamatória e ajuda a reduzir a degradação do colágeno presente na articulação. Com isso ele é o mais indicado para as dores nas articulações, por beneficiar a flexibilidade e a mobilidade, por consequência da melhora das dores nas articulações.

Outros suplementos indicados para dores nas articulações

Compostos bioativos com ação anti-inflamatória presentes nos alimentos e em alguns suplementos podem agir nessas condições, atenuar o processo inflamatório e a dor. Conheça outros suplementos que podem ajudar:

Ômega 3 (DHA e EPA)

A atividade anti-inflamatória do Ômega 3 se deve principalmente pelo EPA, pois ele, atua na produção de proteínas anti-inflamatórias no organismo, como as protectinas e resolvinas, que são responsáveis pela resolução do processo inflamatório.  Com isso, o Ômega 3 (DHA e EPA) pode ajudar nas dores articulares, porque atua diretamente sobre as proteínas anti-inflamatórias.

Magnésio Dimalato

O magnésio também pode agir sobre o processo inflamatório que está presente nas doenças articulares. Ele é o principal cátion intracelular e cofator de diversas reações envolvidas na contração muscular, trânsito do cálcio e na formação e saúde dos ossos. Níveis corporais adequados de magnésio são fundamentais para o bom desempenho físico e preservação da saúde dos ossos e articulações. A deficiência de magnésio pode aumentar a inflamação e o risco de desenvolver fragilidade óssea. Por isso, o consumo de Magnésio Dimalato tem potencial para exercer efeito na inibição da inflamação e consequente melhora da dor.

2 respostas em “Conheça o colágeno mais indicado para dores nas articulações”

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.